Lançamentos digitais

Impressoras 3D na Ciência – Usos na Medicina e Engenharia







A Tecnologia só vem avançando com novos recursos e materiais, as Impressoras 3D são um exemplo disso!! Surgiram em 1984 com a promessa de inovarem na Ciência e com pssíveis aplicações na Medicina e Engenharia. Hoje em dia o cenário já avançou bastante, e vamos comentar aqui no Blog Not1 um pouco sobre a História e Usos das Impressoras 3D!!

Impressora 3D em Funcionamento

Impressora 3D em Funcionamento

Na Medicina

– Desenvolvimento de Próteses baseadas em imagens de tomografia: muito usadas em cirurgias de constituição facial, os moldes impressos em 3D são usados para fazer próteses ideais para o indivíduo. Um exemplo disso foi a reconstituição do crânio de um chinês que havia sofrido um acidente, em agosto de 2014. O hospital usou uma tela de titânio criada com uma impressora 3D para dar uma aparência normal ao homem.

Antes e Depois da Cirurgia com Prótese 3D

Antes e Depois da Cirurgia com Prótese 3D

– Bioimpressão – Técnica de impressão 3D que reproduz partes do corpo, como veias, cartilagens e pele. O material biológico a ser usado na peça é o ponto mais difícil de se manejar, porém a técnica de reproduzir estruturas anatômicas já avançou sobremaneira. 
A empresa Organovo foi responsável pela criação da primeira bioimpressora 3D, em 2010. "Em pouco tempo, esses tecidos vivos funcionais poderão fazer a diferença no estudo de patologias ainda pouco conhecidas e, principalmente, na avaliação da eficácia e segurança de drogas ainda em fase de testes". A Universidade Cornell (EUA), por exemplo, já imprimiu diversas válvulas cardíacas.

– Outro uso é no planejamento de cirurgias: os médicos podem usar exames de imagem e imprimir as estruturas anatomicas para planejar cirurgias mais complexas como um Aneurisma cerebral ou deformidades craniais geneticas. 

Na Engenharia

– Em dezembro de 2014, astronautas da Estação Espacial Internacional utilizaram uma impressora 3D da empresa Made in Space (que funciona mesmo na ausência de gravidade) para produzir uma ferramenta que estavam precisando. As instruções para a produção da peça foram envidadas para a máquina por um tipo de e-mail, diretamente da central de controle da Nasa, na Terra.

– A Universidade do Sul da Califórnia, financiada pela NASA e pelo Cal-Earth Institute, está testando uma impressora 3D que seria capaz de construir uma casa em menos de 24 horas. Conhecida como "Contour Crafting", a tecnologia se propõe a produzir uma moradia em concreto tomando como base padrões e dimensões definidos previamente em um computador.

Counter Crafting

Counter Crafting

– Usos na Indústria Automobilística: as impressoras 3D podem criar modelos conceituais duráveis, protótipos, ferramentas e peças de uso final em baixo volume. Assim os engenheiros e designers podem trabalhar de forma mais interativa, testar com mais rigor e posteriormente passar para a produção. Além disso, há estudos e empresas que estão apostando em imprimir peças de carros usando essa tecnologia.

Como vocês perceberam, os usos das Impressoras 3D são multiplos e promissores, a cada disa veremos mais e mais novidades na área. E se você gostou da ideia de imprimir objetos, saiba que há impressoras pequenas e de uso pessoal a R$3000,00 no mercado (Impressora Cubex, por exemplo).

Assuntos do Artigo:
  • ciencia usos da água

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.